04/09/2019 às 07h44min - Atualizada em 04/09/2019 às 07h44min

Graffiti na passarela de Uberlândia

Ação teve a participação de Dequete, Kim, Kakko, Geleia, Neguela e EFS

DA REDAÇÃO
Imagem do graffiti feito por Kim na passarela Engenheiro José Ricardo Thomaz | Foto: Marco Crepaldi/Secom/PMU

Quem passa pelos arredores e pela passarela Engenheiro José Ricardo Thomaz, na avenida João Naves de Ávila, que fica entre o Center Shopping e o Centro Administrativo, já percebeu mudanças estéticas.

Em comemoração aos 131 anos de Uberlândia, celebrados no último dia 31, os muros da passarela ganharam seis produções artísticas em graffiti feitas em parceria das secretarias municipais de Cultura e de Prevenção às Drogas, Defesa Social e Defesa Civil com artistas urbanos da cidade.

Os responsáveis pelos graffitis são Dequete, Kim, Kakko, Geleia, Neguela e EFS. Inclusive, eles estiveram no local autografando reproduções impressas das imagens utilizadas nos painéis.

A passarela foi escolhida para receber a grafitagem por conta da grande circulação de pessoas no local. Segundo as secretarias envolvidas no projeto, o intuito é fomentar a cultura do graffiti, a fim de dar continuidade ao movimento de difusão e valorização da expressão artística. A atividade contribui para dar maior evidência ao compromisso social do poder público com a inserção da arte visual no cotidiano da população. Neste caso, tendo o grafite como elemento de manifestação da cultura urbana contemporânea.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »