19/07/2019 às 11h51min - Atualizada em 19/07/2019 às 11h51min

Um espetáculo para rir e se emocionar chega em Uberlândia

Eterno trapalhão Dedé Santana divide o palco com Fioravante de Almeida sob a direção de Alexandre Borges

ADREANA OLIVEIRA
Benvindo (Fioravante de Almeida) e Careta (Dedé Santa) em cena da peça “O Palhaço”, em cartaz no Municipal | Foto: Divulgação
Um vendedor de sapatos é surpreendido no camarim de um palhaço no circo. A partir daí, um diálogo espirituoso entre ambos é o fio condutor de uma tragicomédia com diálogos que falam do palhaço professional ao palhaço da vida. O texto original é do dramaturgo e sociólogo paulista Timochenko Wehbi (1943-1986) foi escrito em 1970 e ganhou montagem teatral em 2018 com direção do ator e diretor Alexandre Borges. Para os protagonistas Careta e Benvindo foram escolhidos o eterno Trapalhão Dedé Santana e o ator Fioravante de Almeida, respectivamente.

O espetáculo “Palhaços”, que estreou em Brasília e já passou por São Paulo e Manaus, chega hoje ao palco do Teatro Municipal de Uberlândia. O público acompanhará as histórias de Careta e Benvindo questionando as próprias vidas. Segundo a sinopse, as provocações começam a aparecer e em um jogo entre essas figuras opostas, desestabilizando crenças e valores, eles se desnudam e refletem acerca de suas escolhas.

A todo instante, um dos personagens parece dominar a cena quando, com um simples gesto, o outro rouba a atenção e o poder momentâneo do diálogo. As distâncias e as proximidades existentes entre Careta e Benvindo, remetem à metáfora dos homens que lhes assistem na plateia. “Palhaços” é um convite à reflexão sobre o verdadeiro papel do artista, o que faz com que o público ultrapasse o espaço da lona, do espaço cênico, para ver de perto o verdadeiro palhaço.
 
No palco, Dedé Santana, um ícone do humor, com décadas de trajetória nas artes da interpretação é também um embaixador do circo que traz ao personagem que interpreta maestria para o seu habitat natural, o circo. Dedé é filho de artistas circenses e já aos três meses de idade era personagem nos picadeiros. O artista está no imaginário de gerações de brasileiros, em um novo papel, pronto para mais um jogo cênico, no qual a relação dos atores com a plateia, se torna o grande trunfo do espetáculo.
 
SERVIÇO
O QUE: espetáculo “Palhaços”
QUEM: Dedé Santana e Fioravante Almeida
QUANDO: hoje, às 20h
LOCAL: Teatro Municipal de Uberlândia
DURAÇÃO: 60 min
INGRESSOS: R$ 50 inteira e R$ 25 (meia-entrada) – preços de primeiro lote – à venda na bilheteria do teatro a partir das 14h, Lazertur (Rondon Pacheco), Park Idiomas (Duque de Caxias) e online pelo site Megabilheteria (com taxa de conveniência)
INFORMAÇÕES: 3235-1568

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »