08/06/2019 às 09h00min - Atualizada em 08/06/2019 às 09h00min

Mais duas obras do Uberlândia Integrada II devem começar até julho

Programa prevê o total de 20 intervenções viárias pela cidade

MARIELY DALMÔNICA
Obra da rua das Papoulas terá início imediato em Uberlândia | Foto: Vinícius Lemos
Mais duas obras do programa Uberlândia Integrada II devem iniciar ainda neste semestre. A primeira delas é o prolongamento da rua das Papoulas e da rua dos Jardins, que irá ligar os bairros Cidade Jardim e Jardim das Palmeiras, na zona oeste e na zona sul do Município. A segunda é a construção do viaduto na rua Conrado de Brito, que passará sobre a linha férrea no bairro Custódio Pereira, zona leste de Uberlândia. O investimento é de cerca de R$ 2,7 milhões, e o prazo para a conclusão é de cinco e oito meses, respectivamente. A ordem de serviço para início das obras foi assinada na tarde de ontem pelo prefeito Odelmo Leão.

A obra da rua das Papoulas e da rua dos Jardins terá início imediato e têm o prazo de cinco meses para ser finalizada. O prolongamento das ruas ficou sob responsabilidade da Sigma Engenharia e o valor de contrato é de R$ 1,3 milhão.

A construção do viaduto da Conrado de Brito deve começar em julho e ser finalizada em oito meses. A empresa que conduzirá o serviço é a Construtora Decc, e os custos devem gerar em torno de R$1,4 milhão.

Outra obra na zona oeste também fará parte do programa
Uberlândia Integrada II. Uma licitação referente à trincheira da avenida Getúlio Vargas sob o trevo Ivo Alves Pereira, no bairro Planalto, já está no cronograma da Prefeitura. “Mais de 3 mil veículos trafegam por hora naquele local. O edital para as empresas concorrerem já será disponibilizado”, disse o prefeito. O preço estimado para a construção da trincheira é de R$ 12,3 milhões.

Segundo o secretário de Trânsito e Transportes, Divonei Gonçalves, as obras devem ser concluídas o quanto antes. “É muito difícil não interferir no trânsito, mas vamos tomar cuidado para o desvio de tráfego não prejudicar a rotina das pessoas, principalmente na rotatória da Getúlio”, afirmou.
 
PRIMEIRAS OBRAS
No início de maio, as obras de duas pontes que fazem parte do programa foram iniciadas. Uma delas no final da avenida Oscarina Cunha Chaves - que ligará a via até a rua dos Sabiás, sobre o rio Uberabinha - e outra na rua da Carioca, sobre o córrego Vinhedo, ambas na zona sul. As duas devem custar cerca de R$ 8 milhões e têm prazo de oito meses para serem finalizadas.


O orçamento total do programa é em torno de R$ 140 milhões e foi viabilizado através de um financiamento pelo programa de Fomento à Infraestrutura e ao Financiamento (Finisa) da Caixa. O Uberlândia Integrada II prevê a realização de 20 intervenções viárias.
 

OBRAS FUTURAS
Na próxima semana, o prefeito vai assinar o contrato do início da reforma do antigo fórum de Uberlândia, que será transformado no Centro Municipal de Cultura. Uma obra no viaduto da avenida João Naves de Ávila sobre a avenida Rondon Pacheco também será realizada, ele terá a altura ampliada para atender uma recomendação do Ministério Público Federal.

Ainda na próxima semana, será lançada a licitação para o prolongamento das avenidas Imbaúbas e dos Mognos para dar vazão de tráfego para o bairro Daniel Fonseca. A obra vai atravessar o rio Uberabinha, e ligar os bairros Planalto e Jaraguá até a avenida Marcos de Freitas Costa. “Em breve também vamos iniciar a licitação para as represas Sucupira, Bom Jardim e do Parque do Sabiá”, afirmou o prefeito.
 
VIADUTOS
Em fevereiro deste ano, a prefeitura fez uma vistoria de estruturas nos 18 viadutos da cidade. Entre eles, 16 apresentaram apenas necessidade de manutenções rotineiras e dois receberão reparos maiores.

Haverá necessidade de manutenção no concreto do viaduto Comendador Alexandrino Garcia, sobre a avenida Afonso Pena, e no viaduto Corina Junqueira Rezende, também sobre a mesma avenida, ambos no Centro. “O serviço será terceirizado e os gastos serão pequenos”, afirmou o secretário de Obras, Norberto Nunes.
 
DETALHES DAS OBRAS
Prolongamento das ruas das Papoulas e Jasmins
Empresa: Sigma Engenharia
Valor do contrato: R$ 1,3 milhão
Viaduto da rua Conrado de Brito
Empresa: Decc Construtora
Valor do contrato: R$ 1,5 milhão
Início do processo licitatório referente à trincheira da avenida Getúlio Vargas sob o trevo Ivo Alves Pereira
Preço estimado: R$ 12,3 milhões

 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »