29/05/2019 às 08h00min - Atualizada em 29/05/2019 às 08h00min

Fotojornalismo de guerra em debate

O premiado fotojornalista brasileiro Joel Silva é convidado do projeto nesta semana

DA REDAÇÃO
(Divulgação)
Trabalhar em um ambiente hostil, fora do seu controle e sob imensa tensão. Essa, em muitas ocasiões, foi a missão do fotojornalista Joel Silva, correspondente de guerra brasileiro do jornal “Folha de S. Paulo” e autor de dois livros. Para quem quiser conhecer um pouco mais sobre como é trabalhar nestas condições e o papel do fotojornalismo nestas áreas a dica é um encontro com Silva, amanhã (30), no Campus Santa Mônica da Universidade Federal de Uberlândia (UFU).

Silva é convidado do projeto Cine Foto debate, idealizado pela professora Fernanda Torquato e que conta com apoio dos discentes voluntários Ítana Santos e Matheus Borsato. A edição desta quinta-feira aborda o tema “Fotojornalismo de Guerra” e a palestra de Joel Silva faz parte da programação que está aberta a toda a comunidade, acadêmica ou não.

Silva é formado em fotografia pela escola de artes Bauhaus e começou a carreira de fotojornalista na “Folha” em 1994, onde foi correspondente no Oriente Médio, esteve na Guerra da Síria e na revolta da primavera Árabe na Líbia. Seus trabalhos na cobertura da Primavera Árabe foram publicados nos principais jornais do mundo, como “The New York Times”, “Washington Post”, “Le Monde”, “El País”, “The Independent” e nas revistas “Time” e “Life”.

O fotojornalista cobriu ainda o massacre que vitimou mais de 800 pessoas no Cairo, a capital do Egito, em um único dia; cobriu o Golpe Militar em Honduras, na América Central; fotografou a ocupação do exército no Morro do Alemão, no Rio de Janeiro e esteve em campos de refugiados na África Central e Oriente Médio. Esse trabalho lhe rendeu cinco prêmios de Direitos Humanos.

No livro “Uma fresta de luz no porão da sociedade”, Silva conta sobre os 18 anos de coberturas fotográficas em situações de conflito como correspondente e a obra poderá ser adquirida no local por R$ 30.
 
O PROJETO
 
O Projeto Cine Foto Debate propõe a exibição, e posterior discussão, de filmes, documentários e episódios de séries de TV sobre fotografia e fotojornalismo para os alunos do curso de Jornalismo da UFU e demais interessados mesmo que sejam de outras áreas de atuação, mas que queiram conhecer um pouco mais sobre o tema.

Em alguns encontros, fotojornalistas são convidados para conversar com os participantes sobre as áreas que atuam e a profissão de fotojornalista.
O projeto é realizado nas tardes de quintas-feiras, de 15 em 15 dias, é aberto ao público e oferece certificado. O projeto é realizado nas tardes de quintas-feiras, de 15 em 15 dias, é aberto ao público e oferece certificado.
 
SERVIÇO

O QUE: Cine Foto Debate
TEMA: Fotojornalismo de Guerra
CONVIDADO: Joel Silva (SP)
QUANDO: amanhã (30), às 14h
LOCAL: Auditório 5OB – campus Santa Mônica da UFU
ENTRADA FRANCA: não é necessário inscrição prévia
EMISSÃO DE CERTIFICADOS
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »