07/05/2019 às 07h49min - Atualizada em 07/05/2019 às 07h49min

De volta à elite, Verdão agora quer o título

Primeiro jogo da final, contra o Coimbra, será nesta quarta-feira (8), no Estádio Parque do Sabiá

DA REDAÇÃO
Jogadores comemoram junto à torcida os gols que garantiram o acesso, no domingo (Fernando Aquino/UEC)
Após comemorar o retorno à elite do futebol mineiro, alcançado com a vitória por 3 a 0 sobre o Serranense, na manhã do último domingo, no Estádio Parque do Sabiá, o Uberlândia Esporte Clube passa a focar as atenções na disputa da final do Campeonato Mineiro – Módulo II, que terá como adversário o Coimbra. O primeiro confronto na briga pelo título já será amanhã, às 20h, no Estádio Parque do Sabiá.  A segunda partida acontecerá no sábado (11), às 16h, na Arena do Jacaré em Sete Lagoas.

O Coimbra chega à final após dois empates contra o Nacional de Muriaé – 1 a 1 fora de casa e 0 a 0 em Sete Lagoas. Como teve melhor campanha na fase classificatória, o Coimbra leva a vantagem de jogar por dois resultados iguais (empates ou vitória e derrota pelo mesmo placar).  Uberlândia e Coimbra se enfrentaram logo na primeira rodada da fase classificatória, em partida disputada em Nova Serrana, e o Coimbra levou a melhor vencendo por 1 a 0.
 
ACESSO
 
O Verdão volta ao Módulo I depois de ter sido rebaixado em 2018. Foi a primeira vez na história que o time conseguiu o acesso no ano seguido ao descenso. Todos os gols da partida ante ao Serranense foram anotados no segundo tempo.  O zagueiro Adriano marcou duas vezes, aos oito minutos e aos 22. Já nos acréscimos, aos 47 minutos, o atacante Jhulliam fechou o placar fazendo o terceiro.

Foi o 11º gol do artilheiro do UEC e também da competição. Na comemoração, o atacante saiu para comemorar com uma coroa. A torcida alviverde, carinhosamente, gosta de chamá-lo de “Rei Jhulliam ”. O Uberlândia havia perdido o primeiro jogo da semi em Nova Serrana, por 1 a 0, e precisava de uma vitória simples em casa.

Depois da partida, o técnico Ademir Fonseca, que estava suspenso e precisou assistir o jogo das arquibancadas, falou da sua emoção pelo acesso. “Esse clube merece estar no lugar de onde ele nunca deveria ter saído. Foi com muita luta, muito trabalho e principalmente com a união de todos: elenco, que foi fantástico, diretoria e também a nossa torcida. Vamos comemorar este primeiro objetivo, que foi o principal, e agora queremos o título para coroar o trabalho”, disse.

Autor de dois  gols, o zagueiro Adriano não conteve a emoção. “Graças a Deus eu pude fazer uma grande partida e ajudar o Uberlândia a conquistar o acesso. Era o nosso maior objetivo desde o dia que começamos na pré-temporada. Vamos comemorar muito, mas logo depois voltar a cabeça para a disputa da final. Queremos levantar o  caneco”, afirmou.

A princípio, Ademir Fonseca não tem nenhum problema para a disputa do primeiro jogo da final. O meia Carlos Magno, que cumpriu suspensão automática, está à disposição. O público foi de 3.692 pagantes com renda de R$ 68.110.

FICHA TÉCNICA

UEC
Diego; Jefinho (Darlã), Adriano, Tayron e Cássio; Rogério, Luiz Alexandre e Maradona (Leo); Aslen (Hugo), Jhulliam e Fernandinho (Leo).
Técnico: Ademir Fonseca
 
INGRESSOS

Os bilhetes para o jogo entre Uberlândia e Coimbra começam a ser vendidos nesta terça-feira, a partir das 12h, no Silva Sports, no Terminal Central; Lojas Cruz do bairro Luizote de Freitas e na Rede Açaí do Center Shopping.  Na quarta-feira (8), uma bilheteria ficará aberta o dia todo, a partir das 8h, no Estádio Parque do Sabiá. Mulheres pagam meia-entrada em todos os setores.

Arquibancada Especial: R$ 30 e R$ 15 meia
Cadeira Cativa: R$ 30 e R$ 15 meia
Cadeira Numerada: R$ 50 e R$ 25 meia
Arquibancada geral: (verde) portão 6
Inteira: R$20,00
Meia: R$10,00

Arquibancada Comum (azul) - Portão 7 - Visitante
Inteira: R$30,00
Meia: R$15,00

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »