18/12/2018 às 08h02min - Atualizada em 18/12/2018 às 08h02min

O primeiro livro de Marcelo Branco convida a viajar para outro planeta

A obra de 196 páginas, “Abemigas e o Poder da Mente”, é uma história de ficção inspirada no mundo real

NÚBIA MOTA
Marcelo Branco lançou o primeiro livro na última semana e pretende dar outras linguagens ao trabalho por meio de música e videoclipe | Foto: Divulgação
As férias chegaram e com elas um mundo de possibilidades, até mesmo em outro planeta. Uma das opções é viajar para o Abemigas, ocupado pelos povos abelha e formiga. A história é contada pelo uberlandense Marcelo Branco, que aposta nessa história de ficção, com intenção de se tornar uma trilogia, inspirada na vida real, feita especialmente para o público infanto-juvenil e adulto. Na última semana, o autor e ilustrador lançou o primeiro livro da série “Abemigas e o Poder da Mente”, com uma roupagem tecnológica, cheia de ação, aventura e fantasia. A fábula fala sobre as virtudes humanas e o poder do pensamento, que pode ser canalizado para o bem ou para o mal. Ele ainda aborda questões atuais, como o vício digital e as redes sociais. 
 
O primeiro livro de Marcelo Branco é um reboot de um quadrinho lançado por ele há 16 anos, quando a tecnologia ainda estava longe de ser como é hoje. Dessa vez, a fábula ganhou um novo formato, mais moderno, em 196 páginas e cerca de 30 ilustrações em estilo mangá. A história se passam com os povos abelha e formiga e, apesar dos nomes, eles têm forma humana, com exceção das antenas. Há um século, eles estão sob a má influência dos vilões Zum-rum-bum e a Falange das Trevas, focados no intuito de boicotar a união dos dois grupos.
 
Para reverter a situação, a princesa formiga Oti e a princesa abelha Zori invocam o  mestre Pigmaleão Versátil e os Guardiões da Vida para libertar Ping, Labara e Etérea da dimensão Labyrinthus, pois, somente com a união dos cinco, representados por elementos da natureza, eles conseguirão quebrar o feitiço da discórdia e por fim no desiquilíbrio ambiental responsável pela seca naquela planeta. “O livro tem estrutura de game, com uma dinâmica de virar um filme na cabeça do leitor”, disse o autor.  O argumento da história foi desenvolvido em parceria com Irene Artiaga e Paulo Léspore. 
 
Para acompanhar a obra, nessa semana, Marcelo Branco deve lançar a música eletrônica “Profundamente, da banda virtual Abemigas e um e-book. Para 2019, vai lançar ainda um videoclipe, games e vídeos com histórias curtas com Zori e Oti voltadas para as crianças. No início do ano letivo, cerca de 50 exemplares serão distribuídos nas escolas e bibliotecas municipais, como uma contrapartida pelo projeto ter sido aprovado no Programa Municipal de Incentivo à Cultura (PMIC).

BIOGRAFIA 

Esse é o primeiro livro escrito por Marcelo Branco, mas não é de hoje que ele está ligado e dedicado a esse público jovem e infantil. Além de se inspirar na filha, Diana, de 10 anos, por 15 anos, ele desenvolveu oficinas de animação para estudantes de Uberlândia, gerando um acervo com mais de 200 curtas.
 
O uberlandense, formado em Artes Visuais, com pós-graduação em Tecnologia, Educação e Comunicação, é ainda o criador do programa Animare, com 30 episódios, com 10 minutos cada e é autor das HQs Abemigas (2002), Uótizap (2017) e Turminha do Cerrado (2018).  Como diretor da animação "O Casamento da Ararinha-azul", realizado em parceria com o escritor Angelo Machado, recebeu os prêmios Especial do Júri no Curta Amazônia 2013 e Melhor Filme Júri Popular no Festival Brasileiro de Filmes de Aventura, Turismo e Sustentabilidade (Fatu), na edição de 2013. Marcelo Branco já participou de festivais de cinema no Brasil e no exterior, como na Argentina, Canadá, Estados Unidos, Grécia, Itália, Malta, Paquistão e Peru.
 
Saiba mais sobre os trabalhos de Marcelo Branco no site
www.f7.com.br
 
Serviço: “Abemigas e o Poder da Mente”, de Marcelo Branco, com 196 páginas, pode ser adquirido por R$ 39, 90, na Livraria Leitura.
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »