28/08/2018 às 08h32min - Atualizada em 28/08/2018 às 08h32min

Pai denuncia agressão contra filha em Emei

MARIELY DALMÔNICA

O pai de uma criança de 1 ano e 11 meses registrou um boletim de ocorrência contra a Escola Municipal de Ensino Infantil (Emei) Maria Pacheco Rezende, localizada no bairro Santa Mônica, após identificar uma lesão no braço da filha. De acordo com informações da Polícia Militar (PM), a direção da unidade alegou que as marcas eram de uma mordida, feita por outra criança, o que foi desmentido por um laudo médico. A Secretaria de Educação apura o ocorrido.

Segundo o Boletim de Ocorrência, o pai informou que a avó notou um hematoma no braço esquerdo da criança após busca-la na escola, no dia 13 deste mês. A vice-diretora da Emei disse ao pai que outra criança havia mordido a menina e garantiu tomar providências, mas um relatório médico apontou que a lesão teria uma origem diversa. A pediatra também relatou que, ao ser questionada, a criança teria indicado que foi agredida a tapas.

De acordo com o registro da PM, o pai informou que, quatro dias antes do incidente, havia comparecido à sala da direção do Emei para reclamar de ações e falas agressivas por parte das professoras.

A redação do Diário de Uberlândia entrou em contato com a Secretaria Municipal de Educação, que informou que o fato está sendo apurado e que estão sendo tomadas medidas jurídicas e administrativas necessárias, como abertura de Sindicância Administrativa. “A Secretaria destaca que providenciou junto à direção da escola os procedimentos para que os órgãos jurídicos competentes sejam comunicados.”
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »