26/06/2018 às 07h48min - Atualizada em 26/06/2018 às 07h48min

Contornos da arte pop decorativa

Exposição “Microcosmos – Farândola”, em cartaz até sexta, reúne obras de quatro ilustradores digitais

ADREANA OLIVEIRA | EDITORA
                                                                                               Cleiton Borges/Secom/PMU/Divulgação

                  Peças de arte pop têm chamado atenção dos frequentadores da galeria

As paredes da Oficina Cultural de Uberlândia recebem, até sexta-feira (29), contorno de arte decorativa pop. São cerca de 20 obras confeccionadas pelos ilustradores Gabriel Batista, Guilherme Batista, Jefferson Cardoso e Marlon Carneiro, que têm no DNA a cultura digital. Todos estão na faixa dos vinte e poucos anos e atualmente percebem que esse mercado de arte decorativa tem muito potencial para mostrar.

Há cerca de dois anos eles se aventuraram pela primeira vez em uma exposição nesse segmento, no extinto espaço Matilde Ferreira. “Na época praticamente levamos tudo que tínhamos no estúdio para lá. Dessa vez produzimos peças exclusivas para a exposição e selecionamos melhor o material”, disse Guilherme, sobre o processo de curadoria.

Profissionalmente, os ilustradores, que trabalham juntos, fazem peças mais voltadas para o mercado publicitário, algo bem mais comercial. Na “Microcosmos – Farândola”, essa preocupação comercial não existe, o que vale é a expressão artística de cada um, que costuma ser exercitada no tempo livre deles.

Apaixonados por arte, eles trazem para a coleção pôsteres que contemplam vários tipos de técnicas - voltadas sobretudo à ilustração digital -, mas também conta com pinturas em tela 3D e aquarelas, criadas em papel e massa plástica. Segundo Guilherme, a direção da Oficina Cultural afirma que a exposição tem agradado muito os visitantes, principalmente estudantes.

“Desta vez estamos muito mais organizados e isso ficou claro na disposição das obras. Já tivemos mais de 300 visitas, um número que consideramos excelente. Não confeccionamos nada com a finalidade de venda, mas percebemos o interesse das pessoas em adquirir algumas peças”, disse Guilherme.

Ele afirma que a exposição é um bom termômetro para sentir como está a arte decorativa na cidade. Sobre as ilustrações digitais, Guilherme conta que têm surgido novas referências a cada dia, principalmente entre os mais jovens. “É algo que já vem com a nossa geração, pelo menos é o que percebo”, disse.

SERVIÇO

O QUE: Exposição “Microcosmos – Farândola”
QUEM: Gabriel Batista, Guilherme Batista, Jefferson Cardoso e Marlon Carneiro
QUANDO: até sexta-feira (29), das 12h às 18h
ONDE: Oficina Cultural (praça Clarimundo Carneiro, 204, Fundinho)
ENTRADA FRANCA
INFORMAÇÕES: 3214-9889
SAIBA MAIS: farandola.com.br
 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »