08/03/2018 às 22h10min - Atualizada em 08/03/2018 às 22h10min

Verdão perde para o Galo e fica próximo da queda

Para ficar na Primeira Divisão, UEC precisa vencer a Caldense no domingo

ÉDER SOARES | REPÓRTER
Ricardo Oliveira foi o autor do primeiro gol do Atlético no Parque do Sabiá | Foto: Bruno Cantini/Folhapress

O Uberlândia Esporte Clube (UEC) foi derrotado pelo Atlético por 2 a 0 na noite de hoje, no Estádio Parque do Sabiá, pela penúltima rodada do Campeonato Mineiro. Ricardo Oliveira e Luan marcaram os gols do Galo, que foi aos 15 pontos e assumiu a terceira posição. Já o Verdão continua na lanterna da competição com os mesmos nove pontos. No próximo domingo (11), o time vai até Poços de Caldas, onde, pela última rodada, enfrenta a Caldense, precisando vencer para permanecer na elite do futebol mineiro.

Depois da partida, muita revolta por parte dos jogadores do UEC e do treinador Zé Teodoro, já que aos oito minutos do primeiro tempo, o Verdão teve um gol legítimo de Março Goiano anulado pelo juiz Wanderson Alves de Souza, que marcou impedimento.

"É um absurdo o que aconteceu aqui hoje. A gente trabalha e a arbitragem faz isso que fez. Com 1 a 0 na frente, a história poderia ter sido outra. É revoltante. Mas precisamos nos acalmar e nos preparar para essa decisão que teremos no domingo contra a Caldense. Vamos lá para tentar vencer e permanecer na primeira divisão", disse o técnico Zé Teodoro.

O JOGO

A partida começou com o Galo pressionando o Verdão, que não se intimidou. Aos oito minutos, após escanteio cobrado do lado esquerdo, Marco Goiano aproveitou a sobra da zaga atleticana e fez o gol, mas o juiz da partida, Wanderson Alves de Souza, anulou alegando impedimento.

A tônica da partida continuou. O Galo, com maior posse, tocava a bola e chegou a finalizar duas vezes, mas sem dar muito trabalho ao goleiro Roni, do Verdão. Bem na marcação, o Uberlândia fechava os espaços e esperava encaixar um contra-ataque. Aos 35 minutos, Roni Turola salvou o Verdão com uma sequência de duas defesas, a última nos pés de Fábio Santos.

O jogo recomeçou e logo aos cinco minutos saiu o gol do Galo. Ricardo Oliveira soltou uma bomba de fora da área, sem chances para o goleiro Roni.

O Verdão foi para cima em busca do empate. Aos 12 minutos, Ricardinho puxou contra-ataque pela direita, passou pelo zagueiro, mas chutou para fora.  Com o Verdão no desespero, aos 45 minutos, Luan aproveitou uma brecha e com um belo chute fez 2 a 0 para o Galo, liquidando a fatura.
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »