19/12/2017 às 23h37min - Atualizada em 19/12/2017 às 23h37min

Praia bate o Valinhos por 3 sets a 0 pela Superliga

Equipe uberlandense lidera e chega à 12ª vitória seguida na competição

ÉDER SOARES | REPÓRTER
Bloqueio praiano funcionou bem em mais uma vitória da equipe na Superliga / Foto: Ascom/Praia Clube

 

Em partida válida pela abertura do segundo turno da Superliga Feminina de Vôlei, na noite de ontem, o Dentil/Praia clube não decepcionou a torcida, que mais uma vez compareceu em grande numero na Arena. Sem sufoco, o time uberlandense bateu um dos lanternas da competição, o Valinhos (SP), por 3 sets a 0, com parciais de 25/13, 25/20 e 25/13.

Com o resultado, o Praia continua liderando com folga a competição, conquistando o 12º triunfo seguido e chegando aos 36 pontos de forma invicta. O destaque da partida foi a central Fabiana, eleita a melhor jogadora em quadra e que levou para casa o troféu Viva Vôlei.

O técnico Paulo Coco exaltou a boa atuação da equipe, porém fez questão de, como sempre, frear os ímpetos mais empolgados com a grande campanha.

“É muito bom começar o returno com uma boa vitória, diante de uma equipe talentosa como é a do Valinhos. Continuamos com os pés bem firmes no chão. O processo de evolução ainda é longo. As outras equipes vão melhorar e nós também precisamos evoluir sem nos acomodar e achar que tudo está certo”.

O Praia volta a jogar pela Superliga na próxima sexta-feira (22), quando enfrenta o São Caetano (SP), às 20h, no ABC Paulista. A equipe treina até o dia 23 e será liberada para as festividades de Natal e Ano Novo, retornando aos treinamentos no dia 3 de janeiro. A primeira partida de 2018 será no dia 14 de janeiro, contra o Fluminense, às 20h30, no Rio de Janeiro.

 

O JOGO

Apesar de ser o vice-lanterna da Superliga, o Valinhos não deu mole ao Praia no começo do primeiro set. A equipe dificultou ao máximo a recepção do Praia. Mas o bloqueio praiano voltou a funcionar como nas outras partidas e o set terminou em 25 a 13 para as donas da casa em 20 minutos de jogo.

No segundo set, o Valinhos saiu na frente e conseguiu fazer 10 a 8. Mas depois de um pedido de tempo do técnico Paulo Coco, as meninas praianas voltaram com um melhor volume de jogo e viraram o placar para 13 a 11. Com as alterações do técnico André Roceto, o time paulista voltou a ficar vivo no jogo diminuindo a diferença para dois pontos (20 a 18).  Mas não foi o suficiente para uma reação de Valinhos. O Dentil se impôs novamente e fechou o segundo set por 25 a 20 em 24 minutos.

No terceiro e último set, o Valinhos bem que tentou resistir, mas não teve jeito. Inspirado em quadra, o Praia manteve o controle do jogo e liderou de ponta a ponta, até fechar o set por 25 a 13, em 22 minutos, e o, jogo por 3 sets a 0. 


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »