18/12/2017 às 18h27min - Atualizada em 18/12/2017 às 18h27min

Servidores contratados da Faepu fazem paralisação

Categoria cobra o pagamento do salário do mês de novembro e garantia do 13º

VINÍCIUS ROMARIO | REPÓRTER

Servidores contratos pela Fundação de Assistência, Estudo e Pesquisa de Uberlândia (Faepu) e que prestam serviço ao Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU) iniciaram uma paralisação das atividades no dia de hoje. A classe protesta contra o atraso do pagamento do salário do mês de novembro.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde de Uberlândia e região (Sind-Saúde), Ronaldo Rosa, a suspenção das atividades continuará até que os valores sejam depositados nas contas dos servidores. Ele disse ainda que havia a previsão de que o dinheiro cairia até o fim da tarde de hoje, mas, até o fechamento desta edição a informação não havia sido confirmada.

Rosa disse que ao longo do ano era normal que o salário fosse pago com um ou dois dias de atraso, mas a situação atual é diferente. “Ainda esperamos que o 13º seja pago como foi combinado, em parcela única e deve ser repassado até quarta”, afirmou Rosa.

O presidente disse ainda que cerca de 400 funcionários dentre aproximadamente 1 mil aderiram ao movimento. A reportagem do Diário do Comércio entrou em contato com a assessoria de comunicação da UFU, porém a instituição informou que não iria se pronunciar sobre as negociações com os servidores e também não informou se a paralisação afetou os atendimentos do HC-UFU.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »