14/06/2017 às 05h10min - Atualizada em 14/06/2017 às 05h10min

Petrobras estuda rever frequência de reajustes

DA REDAÇÃO

O presidente da Petrobras, Pedro Parente, disse ontem que a companhia analisa a possibilidade de aumentar a frequência de reajustes no preço dos combustíveis, que hoje é mensal. Segundo ele, a decisão está relacionada à volatilidade do preço do petróleo e, principalmente, do câmbio, que tem tido movimentos de alta e queda mais acentuados em razão da crise política pela qual o país passa.

"É claro que a sistemática atual é muito melhor que a anterior", disse ele em referência ao modelo adotado antes de sua gestão, quando a decisão passava também pelo Ministério da Fazenda. Ele destacou que, embora a frequência de reajustes mensais tenha ajudado, ainda resta a questão da volatilidade dos preços do petróleo e do dólar, que variam diariamente. "Essa é a diferença que estamos pensando em aproximar", disse.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »