09/05/2017 às 08h55min - Atualizada em 09/05/2017 às 08h55min

TJMG determina restauro Do Teatro Grande Otelo

A construção, datada de 1966, está em estado de abandono e interditado

Da Redação
Crédito: Felipe Faria/ O prédio, localizado na avenida João Pinheiro, foi interditado pela Defesa Civil

A pedido do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), a Justiça condenou o município de Uberlândia, a restaurar o Teatro Grande Otelo, situado no centro da cidade.

A Ação Civil Pública foi proposta pela Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Cultural de Uberlândia, e acórdão do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) determinou que o município proceda à completa restauração do teatro, de reconhecido valor histórico-cultural para a população do município. O prazo para início efetivo das obras concedido na decisão, da qual não cabe recurso, é de 18 meses.

Segundo a ação, o imóvel onde funcionava o teatro, construído em 1966 na avenida João Pinheiro, encontra-se em situação de completo abandono, interditado pela Defesa Civil.

De acordo com o promotor de Justiça de Defesa do Patrimônio Cultural de Uberlândia, Marcus Vinícius Ribeiro Cunha, "trata-se de importante decisão judicial que resguarda o direito do povo de Uberlândia à preservação de seu patrimônio histórico e cultural, como forma de manutenção do sentimento vivo quanto ao seu passado. Iremos acompanhar de perto essa restauração do imóvel e esperamos, sinceramente, que o município entregue de volta ao povo uberlandense o Teatro Grande Otelo, de inegável importância para a preservação da memória e identidade da cidade".

A Secretaria Municipal de Cultura informou, por meio de nota, que um projeto de restauro destinado ao Teatro Grande Otelo está em fase de elaboração. Após a conclusão dessa etapa, o Município analisará alternativas financeiras para a execução da obra.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »