22/02/2017 às 09h26min - Atualizada em 22/02/2017 às 09h26min

LIBERTADORES

Botafogo dá passo final para ir à fase de grupos

Montillo é desfalque certo na partida, já que lesionou a panturrilha no primeiro jogo

O Olimpia é o passo final para o Botafogo avançar à fase de grupos da Copa Libertadores. Com a vantagem de ter vencido o primeiro jogo por 1 a 0, o clube brasileiro precisa de um empate hoje, às 21h45, no Defensores del Chaco, em Assunção, no Paraguai, para sair vencedor da terceira fase eliminatória da principal competição da América do Sul.

Como no estágio anterior, quando eliminou o Colo Colo, saldo e, na sequência, gols marcados fora de casa são os critérios de desempate. Por isso, a equipe carioca conseguirá a classificação, caso seja derrotada por um gol de diferença, desde que balance as redes. Repetição do placar da semana passada, mas favorável aos paraguaios, leva o jogo para os pênaltis.

O sofrimento na segunda fase - quando fez um gol contra aos dois minutos do primeiro tempo e conseguiu o empate e a classificação nos 15 minutos finais - trouxe lições para o Botafogo. Por isso, a ordem é entrar em campo com atenção redobrada para não passar pelo mesmo drama.

Principal contratação na temporada, o meia Montillo é desfalque certo. O argentino sofreu uma lesão na panturrilha, problema que o tirou da primeira partida aos 14 minutos da etapa inicial. Sem o camisa 7, o técnico Jair Ventura reforça o meio de campo com a escalação de três volantes. Além disso, serão mais dois meias e apenas Rodrigo Pimpão no ataque.

Na defesa, o treinador conta com o retorno de Carli. Com dores musculares, o jogador ficou de fora dos seis primeiros jogos na temporada. Após ter ficado no banco de reservas contra os paraguaios, semana passada, o argentino foi titular na vitória sobre o Boavista, por 3 a 2, no domingo. Suspenso, Jonas deixa o time, com o deslocamento do zagueiro Marcelo para a lateral direita.

Com mais de 30 mil ingressos vendidos, o Olimpia conta com a força do Defensores del Chaco para avançar, com o retrospecto de não ter perdido nenhum dos últimos 15 jogos que fez em casa em torneios internacionais. Apesar do apoio, o time não vive bom momento e recebeu duras críticas após perder para o Botafogo e empatar com o Independiente de Campo Grande, pelo Campeonato Paraguaio.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »