20/02/2017 às 09h18min - Atualizada em 20/02/2017 às 09h18min

CARNAVAL Bombeiros alertam para riscos de afogamento

Em Uberlândia, dois locais merecem atenção: cachoeira de Sucupira e Poção Azul

LEGENDA DA FOTO: Tenente Deillonn Ferreira ressalta a importância de ter cuidados redobrados com crianças

Com a chegada do feriado de Carnaval é comum famílias e amigos se reunirem em represas, cachoeiras ou residências com piscina. Porém, o Corpo de Bombeiros alerta para os riscos de afogamento durante o período de festividades. Na região, dois locais são críticos em casos de morte por afogamento, sendo a cachoeira de Sucupira e o Poção Azul.

De acordo com o corpo de Bombeiros, em 2014 foram 15 mortes por afogamento em Uberlândia, 14 casos foram registrados em 2015 e outros 17 mortes em 2016. No ano passado, oito casos de afogamento foram registrados somente no Poção Azul. Neste ano já são duas mortes por afogamento.

Além de cachoeiras, rios e represas, o Corpo de Bombeiros chama atenção para festividades em locais com piscina. “Todos têm que ficar atentos, principalmente quando há criança. A maioria de mortes de criança por afogamento acontece em casa. É muito importante ter esse cuidado a mais”, disse o tenente Deillonn Ferreira.

Ainda segundo ele, o perfil de vítimas de afogamento está entre 15 e 40 anos. “Ou são adolescentes que se aventuram ou é aquele pai de família que quer mostrar experiência e resolve nadar em locais arriscados”, afirmou Ferreira. Outro ponto apresentado pelo tenente foi que do total de mortes por afogamento em 2016, não houve vítima do sexo feminino.

Sobre as dicas, o tenente Ferreira disse que as pessoas não devem nadar em locais de difícil acesso, não ingerir bebida alcoólica, não confiar em boias ou colchões infláveis e evitar saltar de alturas.

“Temos que lembrar também do pessoal que prefere pescar durante esse feriado. Usem sempre o colete salva-vidas”, disse o tenente Ferreira.

 


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »