03/02/2017 às 08h23min - Atualizada em 03/02/2017 às 08h23min

Araguari investiga morte de macaco

CAECAÇA DE ANIMAL FOI ENCONTRADa NA DIVISA COM MUNICÍPIO DE CASCALHO RICO

ascom | araguari
Maria Lúcia Hirono disse que não há necessidade de alarde

A morte de um macaco às margens da rodovia MG-223 está sendo investigada pela Secretaria Municipal de Saúde de Araguari. O animal foi encontrado por um transeunte, segundo as informações da coordenadora de Epidemiologia da Secretaria de Saúde, Maria Lúcia Hirono.

“Após a informação chegar à Secretaria de Saúde, uma equipe de Agentes de Endemias esteve no local. Devido ao avançado estado de decomposição da carcaça, não tivemos como constatar o motivo da morte do animal, mas intensificamos as abordagens nas regiões rurais próximo ao local. Como não foi detectada a morte de outro primata, não é necessário alarde por parte da população”, destacou Hirono.
A partir de segunda-feira dia, 6, a Secretaria Municipal de Saúde dará início à intensificação de vacinação contra a febre amarela na zona rural de Araguari. A vacinação continuará até o dia 28/02, e será feita pelas equipes da Secretaria de Saúde e de Saúde dos distritos de Amanhece e de Piracaíba, que serão as responsáveis pela vacinação em suas áreas.
A vacinação da zona rural começará na região próxima ao local onde foi encontrado um macaco morto, ou seja, na região de divisa entre os municípios de Araguari e Cascalho Rico. Devido ao óbito do primata, as cidades de Cascalho Rico, Romaria e Estrela do Sul também terão de intensificar a vacinação contra febre amarela na zona rural.
“Iremos receber um novo lote de vacinas contra a febre amarela para intensificar as vacinações nas regiões rurais do município, começando pela área próxima aonde foi encontrado o símio,” ressaltou Maria Lúcia Hirono.
Ainda segundo a coordenadora de Epidemiologia, a princípio, quem não vai viajar para área endêmica não precisa se vacinar. “Araguari ainda é uma área livre de febre amarela. Não é necessário alarde, mas são necessários cuidados”.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »