17/03/2021 às 07h31min - Atualizada em 17/03/2021 às 07h31min

A única salvação é parar

ADRIANO SANTOS
Divulgação
Após a terceira derrota consecutiva, o Uberlândia Esporte deve ganhar uma grande oportunidade, o Campeonato Mineiro de Futebol deve parar.
 
Pós a derrota em casa para o Pouso Alegre, ficou confirmado, o Uberlândia Esporte não tem uma equipe razoável para a disputa do Campeonato Mineiro de Futebol.
 
O time é ruim e o planejamento do futebol ficou escancarado que foi pífio, agora é preciso mexer, segundo confirmado haverá grandes mudanças no futebol, técnico novo, atletas novos e demissões.
 
Pesadelo da segunda divisão assombra mais uma vez o tão querido Verdão. A paciência da torcida já se encerrou, agora é torcer para a pausa da torcida ser confirmada.
 
A competição parada dará ao Uberlândia Esporte a oportunidade de arrumar a casa, treinar e treinar, visto que o Módulo 1, a 1° divisão do Campeonato Mineiro de Futebol é muito rápida.
 
Essas paradas já beneficiaram muitas equipes, em 2019 o Palmeiras era líder do Campeonato Brasileiro, a parada foi para Copa América, o Flamengo conseguiu arrumar o time com Jorge Jesus e teve um ano mágico, tirou quase 10 pontos que o Palmeiras tinha de vantagem.
 
Em 2021, o São Paulo liderava com 7 pontos a frente o Campeonato Brasileiro, Internacional e Flamengo na parada de final de ano conseguiram arrancar e disputar o título até o último jogo, deixando o São Paulo para trás.
 
É repetitivo, mas o goleiro Marcão e a fraca transição de jogo são os problemas de maior gravidade, sem um meia, sem velocidade ao ataque esse time nunca fará gols.
 
O time não constrói, não chuta, não tem qualidade para fazer gols, a pausa poderá ressuscitar o sonho Uberlandense.
 
A parada poderá ajudar também o Cruzeiro que não consegue da liga ao maior de Minas. Juntar peças, trazer atletas, para sonhar com a vaga na Série A novamente.
 
Será perfeito também para o América, que ainda não é o América que finalizou a temporada, péssimo ao Galo, que com tantas peças precisa jogar para dar Liga as peças contratadas, que por sinal será junto ao Flamengo o time a ser batido no Brasil.
 
Quem sairá perdendo também será a Caldense, que embalou, venceu América e Cruzeiro, e estava voando baixo para a busca da Classificação.
 
Para o Uberlândia Esporte essa parada será a melhor notícia que o Renio ouvirá nos próximos dias, terá paz para trazer atletas e organizar a casa.
 
O trabalho do Juninho começa a ser colocado em dúvida, logo ele, que costurou a vitória da atual diretoria e tem anos de estrada com o futebol, experiência não falta, mas até agora as construções do futebol não estão eficientes, não ganha jogo.
 
Próxima parada? Organizar a casa.
 
Paixão Futebol.


Este conteúdo é de responsabilidade do autor e não representa, necessariamente, a opinião do Diário de Uberlândia.
Relacionadas »
Comentários »