29/05/2017 às 17h20min - Atualizada em 29/05/2017 às 17h20min

A importância dos equipamentos

ALBERTO GOMIDE | COLUNISTA

Tenho observado o quanto a estrutura esportiva em Uberlândia é importante para a população, principalmente aos sábados, domingos e feriados. Junta-se a todos os equipamentos, o complexo Parque do Sabiá, ponto de referência para o lazer de grande parte das camadas sociais da cidade. Quem tem a oportunidade de fazer um giro para observar de perto a participação da comunidade nesses lugares chega à conclusão que o poder público precisa mesmo manter tudo isto nas melhores condições possíveis para os milhares e milhares de usuários.

Neste sentido, a Fundação Uberlandense de Turismo, Esporte e Lazer (Futel), vem cumprindo o seu papel, já que é a responsável por todos esses equipamentos na cidade. No sábado, por exemplo, realizou mais um “Poli em Ação”, que é promover uma reforma ampla e entregar o local à comunidade para que esta viva e desfrute com familiares, praticando ali todas as atividades esportivas e de lazer. Fazendo um passeio pela cidade, girando pelos poliesportivos, chega-se à conclusão, que a prefeitura, através de suas secretarias, autarquias e fundações, precisa manter tudo isto muito bem cuidado, porque a comunidade precisa desses locais em perfeitas condições para utilização. Chega-se ao Parque do Sabiá, e, com toda a sua beleza natural, observa-se que é a coqueluche de milhares de familiares, cada um vivendo, à sua maneira, momentos importantes para uma vida saudável.

Segundo Silvio Soares dos Santos, diretor geral da Futel, a ação vai além de um momento repleto de esporte e lazer, já que a intenção é de que as famílias se sintam parte do projeto. “As duas edições anteriores, que aconteceram nos poliesportivos São Jorge e Jardim Brasília, foram muito bem recebidas pelo público”, disse, ressaltando que a proposta é continuar nesse caminho e colocar todos os equipamentos em ótimas condições de utilização. Na foto, parte da equipe no projeto: Genes, Alessandro, Luciene, Emerson e o diretor Silvio Soares.

 

SOÇAITE DEFINIU OS SEMIFINALISTAS

Foram disputadas no sábado as partidas da segunda rodada das quartas de final do campeonato de futebol soçaite do Praia Clube, definindo os semifinalistas. O Resenha Braba/Auto Eixos/Arantes Imóveis, que havia vencido o primeiro jogo por 5x3, foi surpreendido pelo CS Franco, que ganhou de 3x1, e na prorrogação venceu por 1x0, eliminando outra boa equipe do campeonato. O Hospital Santa Clara/Innova Óptica venceu novamente o Largados por 5x1 e segue como favorito ao titulo. Cândida Mariá e Leopardos voltaram empatar em 2x2, e na prorrogação deu Cândida Mariá venceu por 2x0. O Leondoor Painéis depois de ganhar o primeiro jogo por 3x1, venceu o Cardiovida por 2x0 e ficou com a vaga. As semifinais serão também em mata-mata, jogando Hospital Santa Clara x Cândida Mariá e CS Franco x Leondoor Painéis.

 

CIRCUITO ENTRA NA FASE NACIONAL

Os atletas paralímpicos de natação do Praia Clube estão se consolidando na temporada 2017, no Circuito Loterias Caixa. A equipe do técnico Alexandre Vieira, que desbancou outras equipes brasileiras e conseguiu classificação nas primeiras fases regionais, agora vai disputar mais medalhas na 1ª Fase Nacional. As provas acontecem entre os dias 2 e 4 de junho em São Paulo (SP). O Circuito Loterias Caixa é de organização do Comitê Paraolímpico Brasileiro e é o mais importante evento paralímpico de atletismo, natação e halterofilismo do Brasil. A competição conta com quatro fases regionais – Regional Norte/Nordeste, Regional Centro/Leste, Regional São Paulo e Regional Rio/Sul – e, em sequência, com três fases nacionais. Os grandes nomes da equipe uberlandense são Laila Suzigan Garcia, Letícia Ferreira, Ana Paula Fernandes e William Santana que, juntos, conseguiram diversas medalhas de ouro para o clube.

Relacionadas »
Comentários »