24/04/2017 às 08h20min - Atualizada em 24/04/2017 às 08h20min

Coluna Bola em Jogo

Finalistas amanhã

O futebol mineiro vai conhecer amanhã os dois times finalistas do campeonato do Módulo I. Às 16h, no Estádio Independência, Atlético x URT e às 18h, no Mineirão, Cruzeiro x América. O Galo e a Raposa, que chegaram na primeira fase em primeiro e segundo lugares, respectivamente, levam a vantagem do regulamento de chegar à final com dois empates. Como empataram na rodada de abertura podem conquistar a privilegiada condição com mais um empate. O futebol tem sempre times favoritos, como são Atlético e Cruzeiro, mas isto não assegura o sucesso. Existem várias outras condicionantes. O Atlético é muito favorito diante da URT, que é franca atiradora e não terá nenhum problema em encerrar amanhã a sua vitoriosa campanha. O maior adversário atleticano pode estar dentro do próprio ambiente galista. O técnico Roger Machado vem recebendo muitas críticas e isto pode afetar o time, que pode entrar em campo inseguro, o que normalmente não deveria acontecer nesse jogo. Em relação ao domingo anterior, Roger conta com dois bons reforços à sua disposição: Danilo, lateral que joga também pelo lado esquerdo da meia cancha e Maicossuel, um meia de qualidade. Se o time atleticano conseguir se livrar de pressões externas, certamente deve ir à final, até com relativa facilidade. No outro jogo, o Cruzeiro vem de derrota para o São Paulo no Mineirão, pela Copa do Brasil, e perdeu o zagueiro Manoel, contundido. Teoricamente e pelo regulamento do campeonato continua favorito, mas, historicamente, tem dificuldades quando enfrenta o Coelho. O América mereceu ganhar o primeiro jogo e ganhou mais confiança. Naquele jogo teve o retorno do centroavante Hugo Almeida, que vinha fora de vários jogos. Portanto, terá melhor ritmo de jogo amanhã. E o técnico Enderson Moreira estreou o meia-atacante Ruy, emprestado pelo Coritiba, nos minutos finais. Amanhã, com mais uma semana de treinos, pode jogar mais tempo e dar contribuição importante. Portanto não tem favorito nesse jogo.

Renovações e eleições

Pelo que tem sido noticiado, dificilmente o Uberlândia Esporte vai conseguir renovar contratos dos jogadores que o diretor de futebol Fabrício Tavares e o técnico Catanoce gostariam. Na última segunda-feira, no programa Papo de Butiquim (20h), do Luís Lara, na Rádio Cultura, o segundo vice-presidente, Flávio Gomide, se mostrou animado com a possibilidade e disse que, ao contrário de temporadas anteriores, a deste ano estaria sendo fechada com dívida bem menor, que seria quitada nos próximos dois meses. Só que na terça-feira, no programa Momento Esportivo da Rádio América (11h), o diretor financeiro Gilmar Pereira informou que a dívida que fica para ir sendo quitada supera os R$600 mil. Desta forma não há suporte para a renovação com jogadores, porque a ideia é renovar e emprestar, mas há que haver suporte para que um ou outro ou alguns possam ir ficando no clube, que precisa de dinheiro em caixa para mantê-los. Portanto, a tendência é não haver renovações. Pelo menos, não haver muitas. Na segunda quinzena de setembro haverá eleição para renovar os quadros diretivos alviverdes. Assim a tendência é que o trabalho de montagem do elenco de 2018 fique para outubro em diante.

Anapolina forte

A Associação Atlética Anapolina acaba de inaugurar o seu moderno CT e já começa a preparar o seu time que vai disputar a Divisão de Acesso de Goiás para voltar à divisão principal. Contratou o técnico Everton Goiano, que levou a novato Iporá a conquistar vaga para a Série D em 2018 e toda a defesa do time, até os volantes. No ataque já contratou o experiente centroavante Nonato, artilheiro que estava no rebaixado Goianésia. O campeonato será disputado de 27 de maio a 13 de agosto.

Relacionadas »
Comentários »