24/03/2019 às 09h37min - Atualizada em 24/03/2019 às 09h37min

Beleza real

DENISE AFONSO E ÉRIKA MESQUITA
Está em alta assuntos como alimentação saudável, sustentabilidade, consumo consciente, entre outros. Contudo, vários setores da indústria vêm sendo questionados, inclusive o da beleza, sobre como realmente aplicar estes conceitos tão badalados.

E a beleza do seu corpo pode ser ainda mais genuína, quando tratada de maneira consciente. Isso quer dizer, resgatar nossa beleza real e através das nossas escolhas, despertar para aquilo que somos de verdade.

Os produtos naturais não mascaram, pelo contrário, ajudam a revelar o verdadeiro. Não se trata apenas de benefícios pessoais. Essa beleza natural também impacta a saúde, o meio ambiente e os animais. Aí está uma pegada fundamental: optar por produtos orgânicos, veganos, não testados em animais, caseiros ou feitos em pequenas produções locais.

Com a simples troca de produtos de beleza convencionais, industrializados e cheios de química, por produtos naturais e orgânicos, tornamos nossa rotina mais simples e prazerosa. Consumimos menos embalagens, cuidamos melhor do nosso planeta, sabendo que o que escorre pelo ralo não é poluente.

Diversos produtos industriais, como desodorantes, hidratantes e perfumes, são fabricados com uma variedade muito grande de químicos sintéticos que podem ser prejudiciais para a pele e de outros órgãos. Por outro lado, os cosméticos naturais são fabricados sem nenhum tipo de conservantes químicos, metais pesados ou corantes artificiais em sua fórmula. Sua composição é basicamente vegetal ou animal.

UM MOVIMENTO NASCE
O Slow Beauty refere-se a ter um equilíbrio maior na hora da compra, aprender a ler rótulos e não comprar sem pensar e pesquisar.  Escolher menos produtos e mais versões multifuncionais. Desacelerar, cuidar...

O que é mais encantador é a autonomia que adquirimos. Ficamos menos dependentes da indústria, descobrimos que podemos fazer em casa nossos produtos com poucos ingredientes e, mesmo se formos comprar, aprendemos a escolher o que é bom para a nossa saúde e para o planeta - e ainda economizamos!

E o importante é também ter liberdade para ser quem a gente é e dizer não aos padrões de beleza. "Importante abordar também essa transição  das receitas que herdamos das avós e que na atualidade existem empresas, os ateliês naturais, que utilizam de muita pesquisa e tecnologia na cosmetologia natural, as certificações nacionais e internacionais que trazem as informações de rastreabilidade da matéria prima usada nos cosméticos, tudo isso para garantir a qualidade dos produto", afirma Fernanda Macedo que abriu recentemente em Uberlândia uma loja especializada nesses produtos.

Para quem quer aproveitar esse domingo cuidando do corpo de forma natural, seguem algumas receitinhas, sugeridas pela Fernanda, para você fazer com ingredientes que com certeza, você terá na sua cozinha. 

MÁSCARA DE BANANA
*esfoliante suave, nutritivo e antibactericida
Ingredientes:
1/2 banana madura
2 colheres de sopa de aveia em flocos
1 colher de chá de mel ou melado  
Amasse bem a banana, misture a aveia e o mel até formar uma pasta bem homogênea.
Limpe o rosto e aplique a máscara.
Aguarde de 10 a 15 minutos.
Dica: dobre a receita e aproveite esse intervalo para saborear essa delícia! Em seguida lave o rosto com água mineral e aplique um chá de camomila gelado para tonificar a pele.
 
MÁSCARA DE FUBA
*controla a oleosidade da pele, esfoliante e traz o brilho natural da pele
Ingredientes:
1 colher de sopa de fubá
2 colheres de sopa de iogurte natural ou leite da aveia
1 punhado de folhas de hortelã
Macere a hortelã, acrescente o fubá e o iogurte
Limpe o rosto e aplique a máscara.
Aguarde de 10 a 15 minutos
Faça um chá de hortelã gelado, retire a máscara com água mineral e borrife o chá no rosto para tonificar a pele.
Relacionadas »
Comentários »